A natureza é estupenda e não cansa de surpreender. Imagine ter um pedacinho da galáxia em seu jardim de flores. Pois é essa experiência que se pode ter com a petúnia do céu noturno, uma variação roxa da Petúnia, que significa “flor vermelha” na língua dos índios Tupi.

Segundo a revista Globo Rural, apesar de ser originária da América do Sul, as petúnias maiores e coloridas mais comuns são resultado de cruzamentos realizados por ingleses e alemães.

Para cultivá-la em casa, é preciso ter incidência solar durante o dia e um ambiente bem fresco e ventilado à noite. O clima tem que ser ameno: temperturas muito forte murcham as pétalas e ambientes muito frios ou com chuvas intensas também podem matá-la.

Confira algumas imagens desta bela flor:

Foto: tealkraken
Foto: tealkraken

 

Foto: sophie.isaacs94/Instagram
Foto: sophie.isaacs94/Instagram
Foto: Magpie feathers/Instagram
Foto: Magpie feathers/Instagram

Fonte: CicloVivo

Comentários